Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A Sombra Atrás de Mim

por Andrusca ღ, em 13.09.14

Capítulo 17

Lista de Suspeitos

 

Os detentores do primeiro lugar daquela corrida infernal tinham sido Oliver e Lydia, e durante o resto da semana do terror não tinham havido quaisquer problemas.

- Quer tomar alguma coisa?

Os pais de Stacey estavam fora, a trabalhar, e na sala da família, sentado no seu sofá, encontrava-se Jackson.

- Não, obrigado. Só quero que te sentes e me contes o que se passou. Desculpa só ter podido ter vindo hoje, mas quando me pedes para não contar a ninguém na delegacia o que se passa é complicado escapulir-me…

- Eu sei… Não há problema.

Stacey respirou fundo e sentou-se na pequena mesinha, em frente a ele, suspirando. Estava com um aspecto horrível, tinha o cabelo negro apanhado com um elástico e, por estar em casa, nenhum sinal daquela maquilhagem alegre que a disfarçava para o mundo. Sem o batom vermelho vivo e a base para esconder as olheiras qualquer pessoa podia ver o seu cansaço.

- Fizeste o que te pedi? – Ela assentiu e pegou numa folha com nomes, que tinha dentro do bolso, e passou-lha para as mãos – Riscaste todos os nomes principais Stacey.

- Isso é porque não é nenhum deles…

- Stacey, já falámos disto… - ele voltou-lhe a passar a lista de suspeitos para as mãos e ela suspirou – Ouve, o mais provável é ser alguém que conheces, com quem até falas… Tens de levar isto a sério.

- E estou a levar, detective. Ouça, a Lydia estava demasiado ocupada a roubar a capela para assassinar o Adrien… eu fui a última pessoa a vê-lo vivo… O Ollie e o Rex estavam juntos, por isso não é possível que seja nenhum deles. O Clayton já sofreu nas mãos deste… deste… e também já me salvou dele. Por isso também não é ele.

Jackson considerou as palavras da rapariga por pouco tempo, respirando fundo de seguida. Tinha tomado uma certa paixão por este caso, sentia que ia conseguir salvar esta rapariga, mas essa tarefa estava cada vez mais complicada devido ao facto de não a conseguir convencer de que o perigo podia estar mais próximo do que ela queria acreditar.

- Então quem sobra? – Acabou por perguntar.

- Todas as outras pessoas do mundo? – Stacey revirou os olhos e levantou-se, frustrada – Já lhe disse, se eu soubesse quem ele era já tinha acabado com isto há muito tempo. Sim, concordo que seja alguém que me conheça… que saiba os meus horários, a que festas vou, quando estou sozinha e com quem me dou… mas isso não significa que eu o conheça, ele pode saber isso tudo apenas por me observar.

- Isso é verdade… normalmente…

- Ouça, detective Jackson, eu aprecio o que está a fazer, e estou a correr um risco enorme consigo… e isso só prova o quão desesperada já ando.

- Fala-me deles.

- De quem?

- Dos teus amigos.

- O que quer que diga?

- Como se conheceram, como é a relação que têm agora… tudo o que achares importante.

Ela voltou-se a sentar e bufou, farta do que estava a ouvir.

- A Lydia conheço desde sempre… é a minha melhor amiga, ela consegue ser superficial e mimada, mas por baixo disso tudo é uma óptima pessoa, e quando se consegue chegar a essa óptima pessoa as coisas que acontecem podem ser incríveis. O Ollie mudou-se para cá há dois anos, depois dos pais morrerem, veio viver com a avó paterna. Comecei a falar com ele porque o via sempre sozinho, pensei que precisasse de uma amiga, e precisava. Apresentei-o ao resto do pessoal, e temos andado todos juntos desde então. Ele e o… Adrien davam-se lindamente, era difícil para mim encaixar-me na vida do Adrien quando se punham com planos, eram como irmãos. O Rex conheci há coisa de três anos, ele sempre foi daqui mas nunca tínhamos falado muito… não há história nenhuma, simplesmente começámos a falar um dia na biblioteca, ele viu que eu estava a ler um livro que conhecia e meteu conversa… no dia a seguir procurou-me, e saímos todos juntos para uma feira aqui perto.

- Hmm, estou a ver… E o Clayton?

- Estava a tentar resgatar um cão quando caí ao rio e ele caiu atrás, tinha-me tentado agarrar. Eu tinha má impressão dele, mas acabei apaixonada… Sabe, ele tem insistido comigo para que lhe conte o que se passa.

- Tem?

- As coisas com ele nunca foram fáceis, nós começámos antes do Adrien… bem, eu ainda namorava com ele quando me apaixonei pelo Clay – Stacey baixou a cabeça e suspirou, não percebia porque lhe estava a contar isto, mas ele era a única pessoa com quem podia falar e que não a julgaria – Eu afastei-me dele para que não saísse magoado disto tudo, quando descobri que o Adrien foi morto por minha causa. Pensei que o conseguia manter afastado, mas agora… já não faço ideia de como o manter afastado desta trapalhada toda…

- Tens de arranjar uma maneira, Stacey. Se o queres manter a salvo.

- Pois… não é como se lhe pudesse contar a verdade toda, certo? – Perguntou, num tom irónico – Certo. Bem, de qualquer maneira, eles são meus amigos, detective. Não me iam fazer isso. Por isso pesquise os outros nomes na lista…

Jackson assentiu e voltou a agarrar no pedaço de papel, levantando-se do sofá. Saiu daquela casa ainda mais convencido de que o perseguidor de Stacey, o assassino de Adrien, estava mais perto dela do que ela imaginava.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Imagem de perfil

De Yria Rivers a 15.09.2014 às 12:53

ai opa eu nao percebo porque e que nao tens mais leitores, juro. Assim que postar o meu prox capitulo vou-me revoltar com isso
e eu adorei e estou a adorar e preciso que postes mais^^
beijinhos

Comentar post




Mais sobre mim

foto do autor




The Ghosts

web counter free