Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




DDO: Batalhas sem Fim

por Andrusca ღ, em 22.08.13

Oh meus amores, só dois comentários aqui? Ou perdem a preguiça ou nem com a ajuda do espírito santo chega um novo capítulo rapidamente...

 

A ruiva fechou os olhos e concentrou-se apenas no que os seus sentidos lhe diziam. Conseguia ouvir o vento e as espigas a abanarem levemente ao seu sabor; ouvia um ou outro pássaro que andavam apenas de passagem e sentia-se relaxada, muito relaxada. Tentou concentrar-se mais, precisava de algum sítio de onde captasse uma má vibração. Precisava que um arrepio lhe percorresse a espinha e sentisse aquele mau pressentimento que tantas vezes sentiu.

- Então? – Perguntou-lhe Jensen, assustando-a levemente.

- Isto não é assim – resmungou ela –, tens que ter calma.

(...)

- Mostra-te, deixa de ser um cobarde! – Gritou Jensen, alerta.

Jecek levantou-se e permitiu-lhes vê-lo, formando um sorriso logo em seguida.

- Irmão, que saudades – Disse, ironicamente – Sabes Byron, nunca imaginei que descesses tão baixo. Mas nada disso importa. Eu vou destruir-te. Ambos vocês.

(...)

- Vais obter a tua vingança – prometeu – Vamos ambos obter as nossas vinganças.

A Bruxa voltou-se de novo para a sua mesa, onde repousava um cálice feito de osso com vários detalhes entalhados, tais como símbolos do oculto ou caveiras, e cheio com um líquido de um tom prateado com vários reflexos de azul clarinho.

- Tens tudo o que precisas? – Perguntou Jecek.

(...)

- Já a descobri. Chelsea Burke.

Autoria e outros dados (tags, etc)




Mais sobre mim

foto do autor




The Ghosts

web counter free